A premiação é de abrangência nacional e será em várias categorias

Estão abertas as inscrições, até 1º de maio, para o Prêmio MPT de Jornalismo, que busca estimular a produção de reportagens e matérias veiculadas na imprensa relacionadas ao Direito do Trabalho e que demonstrem violação das normas constitucionais e trabalhistas vigentes.

O prêmio objetiva dar ênfase a matérias sobre denúncias de injustiças contra trabalhadores, e que mostrem sugestões e resultados positivos no combate às fraudes nas relações de trabalho, ao trabalho escravo, ao trabalho infantil, à discriminação, às práticas que atentem contra a liberdade sindical e às irregularidades trabalhistas no setor portuário e aquaviário, na administração pública e no meio ambiente do trabalho.

Reportagens que relatem o cotidiano do trabalhador também serão consideradas. A premiação tem abrangência nacional.

As categorias e suas respectivas premiações são:

Fase Regional

 - Repórter Cinematográfico: R$ 5.000

 - Universitário: R$ 5.000

 - Jornal impresso: R$ 5.000

 - Revista impressa: R$ 5.000

 - Radiojornalismo: R$ 5.000

 - Telejornalismo: R$ 5.000

 - Webjornalismo: R$ 5.000

 - Fotojornalismo: R$ 5.000

Fase Nacional

- Repórter Cinematográfico: R$ 10.000

 - Universitário: R$ 10.000

 - Jornal impresso: R$ 15.000

 - Revista impressa: R$ 15.000

 - Radiojornalismo: R$ 15.000

 - Telejornalismo: R$ 15.000

 - Webjornalismo: R$ 15.000

 - Fotojornalismo: R$ 15.000

 - Prêmio Especial Fraudes Trabalhistas: R$ 45.000

 - Prêmio Especial MPT de Jornalismo: R$ 45.00

Mais informações podem ser obtidas no site do Prêmio MPT de Jornalismo.